Sábado, 16 Novembro 2019 12 +  RSS  Carta ao editor
Sábado, 16 Novembro 2019 12 +  RSS  Carta ao editor
Trends
13:31, 15 Outubro 2019

O efeito diurético e estimulante da cafeína


Você sabia que a cafeína é a droga estimulante mais aceita e menos prejudicial? Sim, e é encontrado em concentrações mais elevadas no chá preto do que no café, embora também seja encontrado no chocolate e na cola.

Segundo especialistas, a cafeína pertence ao grupo das substâncias chamadas xantinas, cuja ação estimula o cérebro ao interferir na ação da adenosina – um transmissor nervoso que produz calma e tranquilidade – e provoca uma sensação de euforia e força por algumas horas. Ao aumentar os níveis de adrenalina e noradrenalina no sangue, estimula a atividade cerebral e, portanto, facilita a prontidão intelectual e criatividade.

O efeito diurético e estimulante da cafeína

Uma vez que a cafeína é ingerida, de uma forma ou de outra, leva entre 30 e 45 minutos para atingir os níveis mais altos de concentração no sangue. Depois de três horas, metade do que foi absorvido já foi eliminado.

A cafeína aumenta a frequência cardíaca e a força de contracção do coração, transitoriamente aumenta a pressão sanguínea. A vasoconstrição que provoca no fluxo sanguíneo cerebral alivia a dor de cabeça, mas o estímulo que provoca o aumento da secreção de suco gástrico, como ácido clorídrico e pepsina, leva À irritação da mucosa digestiva.

A cafeína também tem um leve efeito diurético ; aumenta ocapacidade de trabalho muscular, reforça a contração, retarda e alivia a fadiga. Finalmente, produz um efeito muito pequeno nos pulmões, dilatando os brônquios. Seu consumo não deve exceder quatro xícaras por dia.


2019 A revista da mulher