Sexta-feira, 23 Agosto 2019 12 +  RSS  Carta ao editor
Sexta-feira, 23 Agosto 2019 12 +  RSS  Carta ao editor
Trends
5:08, 05 Fevereiro 2019

Timidez patológica: a timidez pode ser eliminada?


Algumas pessoas assumem que elas são tímidas como uma característica de seu caráter, porque isso não as afeta muito em suas vidas. Mas quando a timidez gera problemas na vida afetiva, social e laboral, já estamos falando de timidez patológica. Um problema que deve ser resolvido, porque estamos muito certos de que a timidez pode ser superada e que podemos deixar de ser tímidos.

O que é timidez patológica

Timidez patológica vai um passo além da timidez considerada como um traço de personalidade. A timidez patológica afeta todas as áreas da vida, dificultando as relações sentimentais, colocando em risco a vida profissional e destruindo a vida social da pessoa tímida, que pode até chegar ao isolamento social.

A saúde física também é afetada por essas conseqüências da timidez patológica, já que muitas vezes é acompanhada por graves transtornos de ansiedade. De fato, os sintomas da timidez patológica são semelhantes aos de uma crise de ansiedade, isto é, sudorese, rubor, tremores, taquicardia ou falta de ar. Nesta situação, você tem que decidir e procurar maneiras de perder essa timidez.

Como a timidez patológica é tratada

Uma terapia psicológica é necessária para superar essa timidez patológica que é acompanhada por outros distúrbios, como ansiedade, depressão ou algumas fobias. Mas você também deve trabalhar nesse propósito para deixar de ser tímido e a timidez não determina sua vida. Melhorar a auto-estima é a chave para se sentir mais seguro nas interações sociais, mas há mais.

Se você quiser superar sua timidez, terá que fazer desafios, fazer pequenos esforços para enfrentar as situações que desencadeiam seu lado mais tímido. Tente fazer isso gradualmente e na companhia de pessoas de confiança que podem te deixar sem pressa se você precisar. Mas o esforço é seu, não fique em casa por não enfrentar sua timidez.


2019 A revista da mulher